Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2018

O amor como critério de gestão produz líderes fracos e desprestigiados?

Imagem
Algumas pessoas acreditam que um líder sensível, amoroso e gentil é um líder frágil, vulnerável, indolente e desprestigiada. Para mim essa visão é um grande mito, um paradigma que deve ser quebrado! E VOCÊ? O QUE PENSA SOBRE ISSO? Olá! Recentemente li um texto que comentava sobre a “Síndrome Madre Teresa de Calcutá”. Basicamente o texto falava sobre o paradoxo de uma liderança com características protetoras (ou humanas) exageradas que impedem o crescimento e desenvolvimento do time.   Pedagogos e psicólogos afirmam que as crianças superprotegidas, que se acostumaram a receber tudo sem dar nada em troca, transformam-se em “monstros”, ou melhor, em adultos mimados que não conseguem ouvir um não e têm baixa tolerância à frustração.   Baseado nesse contexto eu concordo que a falta de critério de uma gestão humanizada pode causar mais prejuízo do que benefício para a gestão de projetos e para a organização como um todo.   O livro Madre Teresa, CEO, escrito pelos norte-americanos Ruma Bose

A epidemia do estresse, da solidão e da depressão no trabalho!

Imagem
Olá! Estudos promovidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que a Depressão será a doença mais comum dentre todas as enfermidades até 2030.  No Brasil, de acordo com dados do Ministério do Trabalho, apenas em 2013, mais de 61 mil pessoas tiveram que se afastar e recorrer ao auxílio-doença por serem diagnosticados com estágios avançados de depressão. Em um artigo de 01 de março de 2018 a Harward Business Review afirma que a solidão é uma crescente epidemia de saúde, que vivemos na era mais conectada na história da civilização, do ponto de vista técnico, mas que as taxas de solidão duplicaram desde a década de 1980.  O artigo comenta que mais de 40% dos adultos na América relatam sentir-se sozinhos, e que o número de pessoas que relatam ter um confidente próximo tem diminuído nas últimas décadas. No local de trabalho, muitos funcionários e em grande parte CEO`s, dizem que se sentem solitários em sua função. A solidão pode causar estresse que em níve