Postagens

Mostrando postagens de 2018

Assertividade e Inteligência Emocional

Imagem
Pessoas assertivas expressam suas opiniões respeitando o ponto de vista, convicções ou crenças da outra pessoa. Pessoas assertivas não são indelicadas ou grosseiras, mas diretas. Servem-se das competências de articulação e comunicação para irem direto ao ponto.

Workshop Controle dos Sentimentos e Gestão das Emoções

Imagem
Workshop Controle dos Sentimentos e Gestão da Emoções   Aprenda a usar as emoções a seu favor!! Foco:   Liderança, gestão, inteligência emocional e soft skills (comportamento) Ementa:  Regulação das emoções, c ontrole dos sentimentos,    e autoconhecimento, são o caminho para melhorar o desempenho e alcançar o sucesso profissional!! Objetivo:   Abordar os benefícios da Inteligência Emocional, das Competências Socioemocionais e Comportamentais (Soft Skills) para a vida profissional.  Para quem é este workshop?  Destinado à profissionais que desejam desenvolver controle emocional, resiliência, assertividade, comunicação e habilidades interpessoais para melhorar o desempenho profissional e os relacionamentos pessoais. Tópicos:  A Regulação das Emoções e o sucesso profissional Autoconhecimento e processo decisório Características de pessoas com alta Inteligência Emocional Competências Socioemocionais e Comportamentais 14 Passos para desenvol

Felicidade e Inteligência Emocional

Imagem
Felicidade é um sentimento, um estado de espírito, uma cosmovisão, uma atitude de gratidão e a maneira que gerimos as nossas emoções influencia diretamente nesse sentimento.

Tolerância e Inteligência Emocional

Imagem
Aceitar o que não se pode inibir não é apenas conseguir lidar com gêneros, cores, religiões ou convicções distintas, mas principalmente conviver respeitosamente com valores, ideias, culturas e histórias de vida diferentes da sua.

Aconselhamento e Mentoria Profissional

Imagem
Aconselhamentos   e  Mentorias  Presenciais e  Online! Fale comigo  👍

Estudar e trabalhar duro são fatores críticos de sucesso!

Imagem
É esperado que boas organizações busquem formas para capacitar o seu capital humano, a fim de potencializar o conhecimento e o desempenho de seus funcionários, mas nós não podemos “descansar” e esperar que a motivação para a formação contínua venha das empresas e dos gestores.

Como engajar equipes desmotivadas?

Imagem
Pessoas automotivadas naturalmente são engajadas, comprometidas, determinadas e resilientes. Muitas vezes não estão satisfeitas com o seu salário ou com o ambiente profissional que estão inseridas, mas ficam firmes em seus valores e encontram alternativas para manter-se focadas em seus objetivos.

A arte de engajar Millennials!

Imagem
Millennials  precisam ser ouvidos, não apenas porque isso é importante para que a comunicação com eles seja estabelecida, mas porque muito do que eles falam faz sentido.

Equipes distribuídas e o engajamento de stakeholders!

Imagem
Seria um exagero classificar como “tormento”  o desafio de engajar equipes distribuídas?

Apagando incêndios em projetos!

Imagem
A maioria das organizações tem plano estratégico que gerencia seu portfólio, projetos e atividades, mas muitas vezes o que foi planejado não seja exatamente o que é executado! Por que, apesar de termos estratégias de gestão, planejamento e controle de demandas ainda vemos tantos gestores perdidos, estressados e constantemente “apagando incêndios” nos projetos? Por que a vida real é mais complicada e uma ação que deveria ser pontual, o “apagar incêndio”, torna-se tão rotineira? Seria a falta de uma abordagem sistemática na gestão estratégica a causa raiz desse hábito tão danoso que pode até mesmo levar a corporação à morte? Penso que a falta de disciplina, diligência, comprometimento e o engajamento da equipe sejam as maiores causas!   Acredito que a maioria das organizações tem ou esforça-se para ter um plano estratégico que gerencie e direcione seu portfólio, projetos e atividades, mas também acredito que muitas vezes o que foi planejado não seja exatamente o que